PCMG deflagra Operação Postal contra tráfico em GV

Divulgação Polícia Civil-MG

PCMG deflagra Operação Postal contra tráfico em GV

20 de março de 2021 Off Por capitaldosvales

Nesta sexta-feira (19/3), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deflagrou a operação Postal, em Governador Valadares, na região do Rio Doce, dando cumprimento a mandados de prisão contra dois homens, de 26 e 38 anos, e outros 14 de busca e apreensão, em virtude de investigações de tráfico de drogas.
O nome da ação faz referência ao modo como os suspeitos realizam a entrega dos entorpecentes: via serviço de correspondência.
No decorrer das investigações, em curso desde o ano passado, a Polícia Civil descobriu uma associação para o tráfico. De acordo com a delegada Verenna Veloso, a atuação criminosa consistia no envio de entorpecentes às unidades prisionais por meio dos Correios. “Em razão da pandemia de coronavírus, considerando a suspensão das visitas, esses suspeitos estavam enviando drogas ao presídio por meio de encomendas”, frisa.

Durante os trabalhos, a PCMG arrecadou grande volume de dinheiro, drogas, celulares, balança de precisão, anotações, veículos, tablets e um simulacro de arma de fogo. Foram realizadas buscas em residências e também dentro do presídio, onde foi encontrada, em uma das celas, certa quantidade de material semelhante à maconha. Também foram feitas buscas na penitenciária de Paca e na residência de um policial penal.

A ação, desencadeada pela Delegacia Especializada em Tóxicos e Entorpecentes de Governador Valadares, contou com o apoio das equipes das delegacias em Conselheiro Pena, Engenheiro Caldas e Mantena.

Precedente

No mês de outubro do ano passado, a equipe da Delegacia Especializada em Tóxicos e Entorpecentes recebeu informações de que uma idosa, de 60 anos, estaria em uma agência dos Correios com a intenção de postar uma encomenda suspeita. Após abordá-la, os policiais civis realizaram conferência minuciosa do material postado, sendo constatado que havia pedras de substância similar ao crack em um pacote de biscoitos que seria destinado ao filho dela. Ele estava custodiado em uma unidade prisional. À época, a mulher foi conduzida até a Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.
Com informações da ASCOM/PCMG